segunda-feira, 7 de dezembro de 2009

Semana de tema livre

Diário De Bordo


O ano de 2009 foi corrido, suado, batalhado, todo atrapalhado.
Ano em que estive focada exclusivamente na minha vida profissional, na faculdade e nas atividades paralelas dentro da universidade. Ano em que não parei em casa, não descansei, fiz mil coisas ao mesmo. Quase enlouqueci, esqueci de mim, esqueci de relaxar, esqueci de cuidar do corpo e da mente. Aliás, por minha mente passou um turbilhão de pensamentos simultâneos. Como toda boa aquariana, penso em tudo ao mesmo tempo, o dia inteiro, todos os dias.
Mas o final de ano de 2009 está sendo revigorante, devolvendo minha energia e levando minha adrenalina ao nível máximo!
Consegui um novo emprego pelo qual batalhei por mais de três anos e que está me trazendo novos desafios e um grande crescimento profissional.
Tive alguns “quase amores”, fiz muita festa com minhas amigas, criei um blog com elas e... Encontrei as Desaforadas!
Iniciei como leitora, curtindo cada linha escrita, sem perder um dia sequer os textos das meninas e do Mario, que deixam sempre um gostinho de quero mais. Até que comecei a escrever como Desaforada X e, em seguida, como Desaforada oficial de segundas-feiras.
Fiquei muito feliz em saber que a maior parte das participantes é de Curitiba, onde tenho familiares por parte de pai, e que havia a possibilidade de, um dia, conhecer a todas pessoalmente.
E esse dia realmente chegou! Na última sexta-feira, dia 4 de dezembro fiz minhas malas com o coração acelerado, ansiosa para conhecer as meninas cujos textos de narrativa bem feita e inteligente eu adoro.
Voei para Curitiba impaciente, querendo que o tempo passasse o mais rápido possível, e que nosso Encontro de Desaforadas no sábado, chegasse logo. E quando ele chegou me senti como uma fã eufórica que passa duas horas jantando com seu ídolo, depois de ganhar uma promoção de final de ano, feita por um canal de televisão.
O local escolhido era charmoso e aconchegante e as meninas foram entrando e dando mais vida a ele. Apresentamos-nos, fizemos brincadeiras umas com as outras e, em um segundo, o papo rolou com tanta sintonia, que parecia que nos conhecíamos há anos. Trocamos idéias, falamos sobre o blog, rimos, queríamos saber ao máximo uma da outra, nos conhecer de verdade. Coitado do Mario, no meio de tantas mulheres falando tanta coisa ao mesmo tempo!
Final de semana perfeito, momentos priceless e mágicos. Tão mágicos que, depois de 35 anos visitando Curitiba sem nunca ter visto o sol, fui honrada com a presença dele no último dia.


Karime Abrão

8 comentários:

Karime disse...

Mario, obrigada de coração por me receber na tua casa com tanta gentileza e carinho, abrindo mão da tua privacidade por três dias, doando 100% do teu tempo e da tua atenção para fazer com que eu sentisse à vontade, como de fato me senti. Foi um prazer enorme te conhecer, assim como a todas Desaforadas que estavam no encontro. Gurias, adorei conhecer todas vocês e espero que este seja somente um dos muitos encontros que teremos. “Foi ótimo do primeiro ao último minuto”. Frase perfeita para descrever um dos melhores e mais divertidos finais de semana que tive até hoje. Bjos já com saudades de vocês, Ka

PS: tinha certeza de que esta seria a foto do post. ;)

Anônimo disse...

Foi mesmo um superencontro. E que ele reverta num blog cada vez melhor. Beijo e nós é que agradecemos a sua presença, Ka.

Mario

Anônimo disse...

Ain que fofaaa!
Pena que não pude ficar até o fim, mas adorei te conhecer Ká!

Beijos,
Leticia

Anônimo disse...

Putz, Letícia, a gente é que fez bobagem: deveríamos ter tirado fotos todos juntos, enquanto vc ainda estava lá. Só no demos conta ao final do encontro, quando fomos pedir pra garçonete fazer o click, sorry. Mas valeu a tua presença e teremos outros encontros para fazer o registro. Beijo.

Mario

!lili! disse...

Seja sempre bem-vinda! Você é toda sorriso e com certeza com ele vem uma energia muito boa.

Beijo, boa semana.
Ruiva

Anônimo disse...

putz, deve ter rolado um encontro e tanto.... pena que pra mim o trabalho acabou falando mais alto....
pena também não poder te conhecer pessoalmente.... fiquei imaginando as conversas, as risadas.... mas outros encontros virão....
bjo thainá

Karime disse...

Oi, Le! Oi, Ruiva! Obrigada pelo carinho, queridas!
Thatá...perdeu O FINDI! Pena.
Beijos

Camila disse...

Ka, não só a Thainá perdeu, como eu também. Mas fico feliz q aproveitaram.
Beijos,
Mila.