segunda-feira, 24 de março de 2008

Homem pra não casar

O melhor caminho pra encontrar um homem pra casar é não se enroscar num cara que não é homem pra casar. Isso, claro, dentro do seu entendimento (ou moldagem?) da figura masculina. Para você, quais pontos são cruciais no comportamento de um homem? Não os ignore, por favor.

Nós, bichos esquisitos (em português e em espanhol) chamados mulheres, temos instinto aguçado e é vital para a alma feminina trabalhar com a intuição. Logo nos primeiros meses, às vezes em semanas ou mesmo em dias, conseguimos detectar coisinhas que nos incomodam. Siga sempre seu instinto. O grau do incômodo e a quantidade dessas 'coisinhas' é que vão definir se a relação tem chances de ir pra frente ou não.

Pois bem, fui conversar com algumas amigas solteiras para saber mais sobre quais características elas esperam encontrar no pai dos seus filhos. O que as mulheres apreciam no geral, são as mesmas coisas: gentileza, romantismo, bom humor, bom senso, responsabilidade, inteligência, força, masculinidade, beijo gostoso, boa pegada na cama…

E o que as incomoda de verdade? Descobri que algumas coisinhas somadas a outras coisinhas, podem tornar o cara interessante uma bomba. E que as mulheres têm motivos os mais variados pra rebaixar um pretendente à segunda divisão.

Alguns exemplos: você implica com aquela sugadinha estranha que o cara faz de vez em quando com o nariz? Não se iluda, a sugadinha estranha vai piorar com o tempo. Vocês saem para o primeiro encontro e ao estacionar o carro, ele chama o flanelinha de ´amigo´. Você acha isso divertido ou meio bobo? Pense bem. No segundo caso, alerta! O ato pode se tornar inteiramente bobo em outras situações. Mais um detalhe: ele ronca?

Outra questão analisada na roda: você apresenta à ele uma amiga do tipo gostosa e ele, discretamente ou não, dá uma boa conferida na garota. Isso te incomoda? Se te incomoda um pouco, tudo bem, você é mulher e a gente concorre o tempo todo. Se te incomoda muito, o homem que você procura não existe, de forma que será impossível casar-se com ele. Além do mais, convenhamos, até você já deu uma boa conferida na sua amiga gostosa, não? Nunca? Jura?

Sim, os pequenos defeitos podem se tornar grandes problemas. E cabe a nós sermos espertas o suficiente pra perceber quando o romance tem futuro ou não. Ao conseguir identificar com eficiência que tipo de homem você não quer como marido, terá mais chances de conhecer alguém que se encaixe melhor ao seu estilo de ser e de viver. Todos temos defeitos, e o homem pra casar, penso eu, é aquele cujas qualidades fazem o resto ter uma importância muito pequena.


Srta Reis.

4 comentários:

Verônica disse...

Fantástico!!!!!!!!!!!!
Concordo 100%.

Abs

Anônimo disse...

Muito bom, Cátia. Mas... q negócio é esse de SRTA. Reis?!?

Srta Reis disse...

Ei anônimo, faz parte da brincadeira assinar com um 'pseudônimo',não? Pena que vc já estragou a minha.... mas, tudo bem.

Você tem quantos anos? Lembra daquela famigerada série de tv 'A Gata e o Rato`? Pois bem, eu era criança quando assistia e sempre adorei a histérica Srta Reis...

Se sua pergunta no fundo quer saber se sou 'senhorita' ou 'senhora'... who cares? do you?

Obrigada pelo comentário anônimo e Verônica!!!

beijo e até domingo!

andreiciuffi disse...

Sou homem e tenho também meus defeitinhos, mas concordo também! O quanto antes a sinceridade de mostrar seus defeitos surgir, mais chances terá a relação de ser mais e mais longa...