quinta-feira, 25 de setembro de 2008

F-O-D-A – SE!!


Se há uma coisa importante a ser ensinada hoje em dia é a boa utilização da palavra foda-se. O stress certamente é a peste do século. Crianças, homens, mulheres e idosos de qualquer classe social em toda parte do mundo sentem isso. Portanto, acredito que falar o tal do “foda-se” é importantíssimo para a saúde física e mental de qualquer criatura.
Pensa comigo: Tô atrasadona e sei que vou chegar tarde em uma reunião. De que vai me adiantar lamuriar? Sei que tenho que correr, mas nem para isso preciso atropelar as pessoas na rua e muito menos sair xingando todo mundo que passa pela frente, atrapalhando minha passagem. Passar a mão no telefone, pedir sinceras desculpas e avisar a secretária do meu cliente que estou com um probleminha e que por isso chegarei uns 15 minutos atrasada, ou mais, é colocar o “pé na jaca” com classe. Não há necessidade de sentir gastura nenhuma. Se isso fizesse com que eu conseguisse chegar no horário da reunião ainda vai, mas certamente isso não acontecerá. O que eu posso ganhar com isso é, no máximo, uma gastrite crônica.
Longe de mim fazer apologia a palavrões e muito menos a se atrasar em compromissos profissionais ou não, só usei como exemplo. É importante sermos educados e responsáveis, pois vivemos em sociedade e, portanto temos que respeitar o espaço do outro. Mas isso não quer dizer que você tenha que tornar sua vida um tormento, se culpando a cada minuto pelo que está acontecendo de errado, sendo responsabilidade sua ou não. Dormir além da conta ou sair bem na hora daquela chuva momentânea que deixa o trânsito um caos nos permite soltar um F-O-D-A -SE bem aliviador!!
Acredito que verbalizar o tal do foda-se em muitas situações na vida é extremamente necessário. Ele é um palavrão libertador que te relaxa e te coloca no eixo, quase um mantra.
Participação especial by Bolinha: http://br.youtube.com/watch?v=VPSX5tgwyNA

Verônica Pacheco

7 comentários:

Anônimo disse...

Foda-se as reuniões intermináveis quando inúteis
Foda-se o caos no trânsito quando deveríamos estar de bicicleta
Foda-se as filas, os fura-filas e as horas de espera
Foda-se a inveja e o ciumes
Foda-se os problemas
O melhor é foder e ser feliz!

Anônimo disse...

fuck off

Da terra eu vou até o centro

Uma missão para cumprir, 100%
é o meu intento

Espaço preciso de espaço, sem vento
Mostrar o seu crepúsculo de aço palhaço

Não tenho tempo a perder, quero voltar pra casa porque a terra azul de la de cima eh linda
de se ver

Chego na hora certa, articulo racioncínio para entrar pela janela aberta da sua mente

num bote elegante e mortal
Como a raposa esperta
diariamente
Procuro couves de chacais

Assassinos terrestres e
de outras fronteiras espaciais

As minhas rimas vem em 3D

Para abalar o sistema, e o
é a falta de limite do que eu posso ver,pode crer

Me mantenho submerso, a 20 mil
leguas submarinas Fumando minha sensemilla,escrevo meu verso

Diamante em eterno estado bruto, te deixa puto
Habilidade
natural de lapidar idéias

Que saem em forma de palavras
Quinem zangões zangados de minha colméia.

Não tem nada não
o pensameno marca a
historia pela canção

Ficar bolado com a situação
me faz querer
acabar com a escória Então

demônios e seres humanos sempre os
mesmos e nunca mudando. Estranhos se tornam amantes, amantes se tornam estranhos.

Sem conceitos, não se pede a paz O tempo
escorre e corro atrás
Protected by Sellassie
Believe in Jah.
Baylon aqui jaz


É assim que eu sigo, eu sigo sempre assim, amigos e familiares sempre perto de mim

but the queen...

she's gone.



andy

Zé disse...

Pois é, somos ingratos em tudo na vida, enquanto todos não desgrudarem de suas vaidades e ignorarem o mundo a sua volta daqui a pouco nem foda-se poderemos dizer de tão estressados que já somos. Um segredo, seja grato em tudo, porque a carga da ingratidão murcha a alma e quando vc vir nem foda-se vai resolver alguma coisa.

Mané Brasil disse...

Nossa que boca suja....hehehe...
Pela educação que recebi de meus pais e avós, não criamos este hábito de falar esta palavra...mas observamos que as gerações de hoje utilizem da mesma com muita propriedade.... não é que sou velho, mas respeito é bom e a gente gosta...
Também não é crítica ao artigo, mas o que pega hj em dia é a falta de paciência e tolerância...
ENTÃO FODA-SE!!!!
Como foi dito melhor é foder gostoso....
abraço e boa semana

Anônimo disse...

Na gíria do Nordeste "jaca-mole" se diz de gente abobalhada. E "cortar-jaca" é ajudar o namoro de alguém. Ou bajular. Sem esquecer que "Corta-jaca" é também nome de tango de Chiquinha Gonzaga:

Neste mundo de misérias
quem impera
é quem é mais folgazão.
É quem sabe cortar a jaca
nos requebros
de suprema perfeição, perfeição.

O que importa é que o sabor e aroma da fruta são insuperáveis.

Bendita JACA!!
FODA-SE o resto!!!

Hugs and Kisses

wilson.

Verônica disse...

Ana, vc esqueceu de assinar, mas tudo bem, foda-se tudo isso mesmo e muito mais. Rsrs, adorei o seu final. Não tinha visto por este ângulo. Veja a palavra foder é tão aliviadora e calmante quanto o próprio foder de fato. Como sempre meus amigos completando belamente as minhas idéias.
***
Andy, vc sempre participando. Muito legal, obrigada! O poema é seu?
***
Zé novo amigo. To começando a achar fantástica esta tecnologia que nos traz rapidez, imediatismo, informação e até novos amigos. Obrigada por participar. Do Comunique-se para as Desaforadas. Rsrs. Pior que vc tem 100% de razão. A humanidade tá caminhando para tão ponto que até o foda-se talvez não possa mais ser usado daqui um tempo. Vamos fazer nossa parte.
***
Mané, boca suja? Apenas “filosofei” sobre o tema, com classe. Tenho que concordar. O mundo mudou e infelizmente este vocabulário é corriqueiro na boca de todos.
***
Wilson, gosto muito deste seu senso curioso e explicativo. Esta sua busca incessante pela pesquisa. Obrigada por suas palavras.
***
Beijo grande para todos!
Quinta que vem espero todos novamente.
Verô

henriquen disse...

Quer saber de uma coisa??? Fodam-se todos os comentários! Escreva mesmo. Os comentadores são uns chatos... hauahuhauhauha